A Terra vista de cima

Apenas por diversão, aqui estão algumas imagens recentes de nosso querido planetinha, com todo o seu seu esplendor de forma como pode ser visto por cima. Tiradas há apenas algumas centenas de metros de distância, ou tanto quanto a um milhão de quilômetros, a variedade e beleza da Terra retratadas nestas fotos continuam a surpreender.

main_900 (15)

18/07/2015 Um balão de ar quente sobrevoa os campos dos arredores de Minsk, Rússia, durante o Segundo Campeonato Internacional de Aeronáutica.

main_900 (14)

06/07/2015 Planeta Terra, visto a mais de um milhão de quilômetros. A câmera do satélite de observação climático retornou a sua primeira fotografia de todo o lado iluminado da Terra. A imagem mostra as Américas do Norte e Central.

main_900 (13)

14/07/2015 O Arco do Triunfo, no centro da Place Charles de Gaulle, também conhecida como a Place de l’Etoile, no meio de telhados de edifícios residenciais em Paris, França.

main_900 (12)

29/09/2014 Um céu nebuloso paira acima de um rio na região amazônica do Peru.

main_900 (11)

30/06/2015 As Ilhas Frioul no mar Mediterrâneo perto de Marselha, na França.

main_900 (10)

08/09/2013 A torre norte da ponte Golden Gate, rodeada por um nevoeiro, na Califórnia, Estados Unidos.

main_900 (9)

15/04/2015 Campos de flores próximos do Parque Keukenhof, também conhecido como o Jardim da Europa, em Lisse, Holanda.

main_900 (8)

12/07/2015 Vista da Estação Espacial Internacional sobre o Golfo do México. As luzes de Houston, Estados Unidos, são proeminentes no lado esquerdo, com New Orleans e do delta do rio Mississippi no centro. As muitas luzes no golfo são plataformas de petróleo e navios.

main_900 (7)

07/08/2014 Casas em Bristol, sul da Inglaterra.

main_900 (6)

08/07/2014 Geleira Malaspina no sudeste do Alasca, o maior vale glacial do mundo se espalha nivelando toda uma planície. No canto superior direito aparece a geleira Hubbard.

main_900 (5)

24/02/2015 O sol se põe acima da praia de Ipanema, no Rio de Janeiro.

main_900 (4)

20/05/2015 O MODIS, satélite da NASA, capturou esta vista de vários vórtices de nuvens sobre as Ilhas Canárias e Madeira.

main_900 (3)

09/06/2014 Cataratas do Iguaçu, na província noroeste argentina. As autoridades foram forçadas a fechar o icônico Parque Nacional do Iguaçu após chuvas fortes na região que fizeram com que o rio Paraná inundar. As passarelas turísticas e pontos de vista que normalmente dão lugar a vista deslumbrante sobre as quedas d’água foram quase totalmente submersas pela água.

main_900 (2)

25/05/2015 Arquitetura da cidade de Chicago, Estados Unidos, iluminada à noite.

main_900 (1)

19/04/2015 A pirâmide curvada de Dahshur, uma necrópole real localizada no deserto da margem oeste do rio Nilo, ao sul do Cairo, Egito.

main_900

15/07/2015 Estátua da Mãe Pátria no complexo memorial da 2ª Guerra Mundial, na cidade de Volgograd, Rússia.

main_900 (16)

14/07/2015 Canteiro de obras da construção da Disneylândia de Xangai, na China. O parque temático orçado em US$ 5,5 bilhões, está sendo desenvolvido pela Disney em parceria com a estatal Shanghai Shendi Group, e irá transportar os visitantes para réplicas de seis parques temáticos “mundiais”, oferecendo ainda outras atrações com base em personagens de Star Wars e da Marvel Comics.

main_900 (17)

03/04/2015 Astronautas a bordo da Estação Espacial Internacional tiraram esta fotografia do sul da Escandinávia, pouco antes da meia-noite.

main_900 (18)

09/05/2015 Trilhos de trem no pátio da estação de Maschen em Seevetal, Alemanha.

main_900 (19)

21/03/2015 Moradias fora da cidade de Diffa, Nigéria.

main_900 (20)

18/03/2015 Vapor e cinzas do vulcão Villarrica, sul de Santiago, Chile.

main_900 (21)

08/05/2015 Campo de colza em plena floração perto Ebenhausen, Alemanha.

~ Imagens compiladas do The Atlantic.

Anúncios

Já é hora de repensarmos nossas formas de consumo

7.311.344.400. No momento em que este texto é escrito, esta é a quantidade de pessoas que respiram no planeta Terra. Para ter uma noção melhor da grandeza desse número, convidamos você a clicar aqui e rolar a página por 7 bilhões de pessoas. Se você clicar neste outro link, você vai aprender que só hoje nasceram 325 mil crianças e 134 mil pessoas morreram. É muita gente, hein?

Mas, apesar de o mundo ser grande, a natureza está enfrentando dificuldades para dividir espaço com tantas pessoas. É gente demais que não se contenta em só respirar: essas pessoas querem se alimentar, trabalhar, comprar coisas, viajar, viver. E aí o mundo começa a não aguentar.

Mas como chamar a atenção para a superpopulação do planeta e os efeitos devastadores que o excesso de consumo proporciona para o meio ambiente? Uma parceria entre o Population Media Center e o Population Institute deu origem ao Speak Out, uma campanha que tem como objetivo conscientizar o mundo de que é hora de frear, parar e repensar. Como parte da iniciativa, foi publicado o Overdevelopment, Overpopulation, Overshoot (Over), um livro que mostra por meio de imagens contundentes como o excesso populacional está prejudicando a Terra. Confira (algumas imagens podem ser fortes para certos públicos):

Eu não entendo porque quando nós destruímos algo criado pelo homem, nós chamamos de vandalismo, mas quando destruímos algo criado pela natureza, chamamos de progresso.” ~ Ed Begley Jr.

Os fiordes ocidentais em Svalbard, na Noruega, que normalmente congelar no inverno, manteve-se durante toda a temporada sem gelo. Este urso seguiu para o norte, à procura de gelo do mar adequado para caçar a. Não encontrando nada, ela finalmente desmoronou e morreu.
Os fiordes ocidentais de Svalbard, na Noruega, que normalmente congelam no inverno, mantiveram-se secos durante toda a estação. Este urso seguiu para o norte, à procura do gelo do mar (sua noção de direção), e de um lugar adequado para caçar. Não encontrando nada, ele infelizmente desmoronou e morreu.
As pessoas se acotovelam para distribuição ajuda alimentar após o terremoto de 2010 no Haiti.
Pessoas se acotovelam para distribuição de ajuda alimentar após o terremoto de 2010, no Haiti.
Produção animal industrial brasileira.
Produção animal industrial brasileira.
Rejeitos relacionadas com areias betuminosas lagoas estão entre os maiores represamentos tóxicos na Terra e mentira em diques unlined meros metros do rio Athabasca; comunidades indígenas jusante estão com medo de ser envenenado por infiltração tóxicos na cadeia alimentar. Alberta, Canadá.
Rejeitos industriais contendo areias betuminosas são represados em lagoas tóxicas, sendo que apenas alguns diques de contenção as separam do Rio Athabasca; comunidades indígenas próximas estão com medo de serem envenenadas por infiltração dos tóxicos em sua cadeia alimentar. Em Alberta, no Canadá.
Vista aérea de um fogo de óleo após o desastre de petróleo Deepwater Horizon 2010 no Golfo do México.
Vista aérea do desastre que derramou milhões de barris de petróleo no Golfo do México, em 2010.
Os contêineres de transporte, instrumento indispensável da economia de consumo globalizado, refletem o horizonte em Cingapura, um dos portos mais movimentados do mundo.
Os contêineres de transporte, instrumentos indispensáveis da economia de consumo globalizado, refletem o horizonte em Cingapura, um dos portos mais movimentados do mundo.
Em ambas as regiões árticas e antárticas, gelo está recuando. Derretendo água na calota de gelo, North East Terra, Svalbard, Noruega.
Em ambas as regiões árticas e antárticas, o gelo está recuando. A imagem mostra o derretimento de água na calota de gelo em North East, Svalbard, Noruega.
Uma das nações mais vulneráveis ​​da Terra para as alterações climáticas, as Ilhas Maldivas estão gravemente ameaçadas pela subida do nível do mar.
Uma das nações mais vulneráveis ​​da Terra para as alterações climáticas, as Ilhas Maldivas estão gravemente ameaçadas pela elevação do nível do mar.
Cara-a-cara com os restos de um elefante caçado no norte do Quênia.
Cara-a-cara com os restos de um elefante caçado no norte do Quênia para retirada do marfim.
Em Midway Island, longe dos centros do comércio mundial, um albatroz, morto de ingerir muito plástico, decai na praia; é uma visão comum sobre a ilha remota.
Em Midway Island, longe dos centros do comércio mundial, um albatroz, morto por ingerir muito plástico, decai na praia; essa é uma visão comum na ilha.
Alastrando pela Cidade do México, uma população de +20 milhões, a densidade é de 63.700 pessoas por quilômetro quadrado.
Alastrando pela Cidade do México, uma população de +20 milhões, a densidade é de 63.700 pessoas por quilômetro quadrado.
A Mina de Mir na Rússia é a maior mina de diamantes do mundo.
A Mina de Mir na Rússia é a maior mina de diamantes do mundo.
Fim da estrada para estes pneus é um deserto despejar solo em Nevada, EUA.
“Fim da estrada” para estes pneus, despejados no solo de um deserto em Nevada, EUA.
Surfer indonésio Dede Surinaya trava uma onda em uma baía remota, mas coberto de lixo em Java, Indonésia, ilha mais povoada do mundo.
Esportista tenta surfar em meio ao lixo numa baía próxima a Java, Indonésia, uma das ilhas mais povoadas do mundo.

~ Texto do Hypeness, imagens do Speak Out.

Brasões flat da Copa do Mundo 2014

O designer brasileiro Leandro Urban criou um projeto minimalista muito legal onde ele fez uma versão flat dos brasões das seleções da copa de 2014, vale a pena conferir! Quem aí se lembra do projeto dele com os brasões dos times brasileiros?

wc-01

wc-02

wc-03

wc-04

wc-05

wc-06

wc-07

wc-08

wc-09

wc-10

wc-11

wc-12

wc-13

wc-14

wc-15

wc-16

wc-17

wc-18

wc-19

wc-20

wc-21

wc-22

wc-23

wc-24

wc-25

wc-26

wc-27

wc-28

wc-29

wc-30

wc-31

wc-32

Indicação do Abduzeedo.

De longe, monumentos famosos “contam outra história”

Nós os vemos em fotos e em guias de viagem. Os monumentos mais famosos do mundo vivem na imaginação popular em sua forma idealizada, mas vê-los pessoalmente podem te surpreender. Enquanto alguns marcos podem ser ainda mais belos quando você os enxerga em seu meio natural inspirando nossa admiração, outros foram engolidos por paisagens urbanas em expansão.

Em nossa sociedade obcecada por perfeição, é tentador cortar as distrações e concentrar-se apenas no tema principal. Mas, como estas imagens mostram, pode ser esclarecedor ver como um marco se encaixa no seu ambiente, e como uma atração turística se destaca de uma paisagem natural. Aqui estão 15 fotos “sem o zoom”, de monumentos famosos por todo o mundo:

1. TAJ MAHAL, Agra, Ultar Pradesh, Índia [27.17498,78.042151]

TAJ MAHAL

02

2. GRANDES PIRÂMIDES DE GIZÉ, Egito [29.977279,31.132483]

APTOPIX EGYPT PYRAMIDS

Mideast Egypt

3. STONEHENGE, Amesbury, Reino Unido [51.178913,-1.826223]

Britain Stonehenge

BRITAIN STONEHENGE

4. CATARATAS DO NIÁGARA, fronteira dos Estados Unidos com Canadá [43.079421,-79.076428]

Niagara Falls

08

5. PORTÃO DE BRANDEMBURGO, Pariser Platz, Berlim, Alemanha [52.51626,13.377696]

Germany Earth Day

Germany Berlin US Embassy

6. PARTENON, Kentrikos Tomeas Athinon, Atenas, Grécia [37.971529,23.726718]

Greece Independence Parade

12

7. MONTE RUSHMORE, Keystone, Dakota do Sul, Estados Unidos [43.879057,-103.459071]

13

Mount Rushmore National Memorial

8. CIDADE PROIBIDA, Beijing, China [39.914987,116.390809] 

APTOPIX China Climate

16

9. HOLLYWOOD, Los Angeles, Califórnia, Estados Unidos [34.134098,-118.321706]

Hollywood Labor

18

10. CENTRAL PARK, Nova Iorque, Estados Unidos [40.782865,-73.965372]

First Day Of Spring Arrives After Extremely Harsh Winter

20

11. ARCO DO TRIUNFO, Place Charles de Gaulle, Paris, França [48.873776,2.294981]

21

22

12. SANTORINI, Grécia [36.424459,25.428186]

23

24

13. ESTÁTUA DA LIBERDADE, Nova Iorque, Estados Unidos [40.689229,-74.04455]

25

Harlem Globetrotters Tour 100th Floor Of One World Trade Center

14. TORRE EIFFEL, Avenue Anatole France, Paris, França [48.858376,2.294444]

125 Years Since The Inauguration Of The Eiffel Tower

28

15. CATEDRAL DE SÃO BASÍLIO, Krasnaya Ploshad, Moscou, Rússia [55.752514,37.623042]

29

Aerial Views Of The City Skyline

~ Eileen Shim, para o PolicyMic.

 

Não tenho ideia de como você poderia fazer igual…

mark-khaisman-artist-packaging-tape-portraits1

Nascido em 1958, em Kiev na Ucrânia, Mark Khaisman estudou arte no Instituto de Arquitetura de Moscou, na Rússia. Agora, vivendo na Filadélfia, Estados Unidos, Khaisman utiliza simples rolos de fitas PVC para criar incríveis obras de arte. Seu trabalho se caracteriza basicamente por ‘ilusões geométricas formadas com luz e sombra’, criando vários graus de opacidade que produzem transparências através da difusão das tonalidades de cores e relevos:

art-made-with-layers-of-packaging-tape-mark-khaisman-1

art-made-with-layers-of-packaging-tape-mark-khaisman-2

art-made-with-layers-of-packaging-tape-mark-khaisman-3

art-made-with-layers-of-packaging-tape-mark-khaisman-4

art-made-with-layers-of-packaging-tape-mark-khaisman-5

art-made-with-layers-of-packaging-tape-mark-khaisman-6

art-made-with-layers-of-packaging-tape-mark-khaisman-7

art-made-with-layers-of-packaging-tape-mark-khaisman-8

art-made-with-layers-of-packaging-tape-mark-khaisman-9
~ Indicação do Twisted Sifter.