Uncategorized

#HumanidadeLevadaPelaÁgua

“Seu nome era Aylan”. ATENÇÃO: Esta publicação contém imagens fortes. Um menino de 3 anos de idade chamado Aylan Kurdi e seu irmão de 5 anos, Rihan, foram fotografados com o rosto virado para baixo na praia, na última quarta-feira de manhã (02/09/2015). Eles foram supostamente mortos depois que o barco que os levava à… Continuar lendo #HumanidadeLevadaPelaÁgua

Uncategorized

15 práticas para 2015

Por mais que a mudança de ano seja uma construção onírica, vamos admitir: a maioria das pessoas fica mais aberta, tanto é que em vez de “Tenha um bom dia!” ou “Boa semana para você!”, expandimos nossa percepção: “Que você tenha um ótimo ano!” Para aproveitar esse momento, convidamos várias pessoas para contar qual prática… Continuar lendo 15 práticas para 2015

Uncategorized

O relógio está correndo, sua vida está com pressa. E você, está fazendo o que ama neste momento?

Admito que não sou fã de rótulos estipulados por “gerações”, que, na minha opinião, são construídos para facilitar o entendimento comportamental da cada fase de uma sociedade. Acabamos dividindo e definindo tudo em pequenos blocos, que, nas entrelinhas, podem ser constatados pelas diferenças entre idades. Calma. É claro que a Era em que essas pessoas estão vivendo é totalmente… Continuar lendo O relógio está correndo, sua vida está com pressa. E você, está fazendo o que ama neste momento?

Uncategorized

Como aproveitar um dia de folga

Gerenciamento do tempo é uma das coisas mais difíceis hoje em dia. Pelo menos pra mim, é. Temos uma rotina de incontáveis coisas e situações e o tempo só querendo a gente o tempo todo, gritando por nossa atenção. É o Facebook, o Twitter, o vídeo de só 5 minutos no Youtube, uma passada de… Continuar lendo Como aproveitar um dia de folga

Uncategorized

Porque escrevo

Porque sim. Porque a literatura é política. Porque o viver é político. Porque o não-ceder é político. Porque o machismo & a homofobia, o racismo & o elitismo ainda definem nossa cultura & nossa sociedade, nossa língua & nossa sexualidade, e precisam ser combatidos todo dia, sempre, sem trégua. Porque escrever serve para mudar o mundo. Chacoalhar as mentes. Arregaçar os olhos. Destruir os preconceitos. Estimular a empatia. Porque não… Continuar lendo Porque escrevo